Outubro 2009

Centro de Estudos de História do Atlântico

Novo espaço

[Imagens das novas instalações do Centro de Estudos de História do Atlântico]

O CEHA

A caminho dos 25 anos de existência, o Centro de Estudos de História do Atlântico tem, na actualidade, condições óptimas para cumprir o seu objectivo principal de coordenar a investigação e de promover a divulgação da História das Ilhas Atlânticas. Para além de conferências, colóquios, projectos de investigação e publicação de textos inéditos (meios essenciais na sua actividade), o novo espaço abre as portas a uma maior interactividade com o meio local e com a comunidade científica internacional.

De modo complementar, a acessibilidade a pessoas com mobilidade reduzida permite o usufruto alargado de biblioteca, auditório, área expositiva, entre outras valências de qualidade reconhecida.

Conheça de forma mais pormenorizada a actividade do CEHA desde 1985 à actualidade, na apresentação desta instituição ao serviço da Cultura e da Investigação Atlântica:

» Apresentação do CEHA (em formato PDF)

Saiba mais

A edição trimestral de um boletim de notícias – em formato pdf – permite o acompanhamento regular da actividade desta instituição de investigação científica. No próximo mês de Novembro, será apresentado o Anuário de 2009.

Para saber mais sobre estas e outras publicações ou para conhecer melhor o Centro de Estudos de História do Atlântico, visite www.madeira-edu.pt/ceha.

Ainda no contexto desta nova etapa, o Presidente da Direcção do CEHA, Alberto Vieira, falou para o programa ‘Educando’ – Rádio Jornal da Madeira.

Ouça a entrevista neste espaço:

CEHA – Centro de Estudos de História do Atlântico
Presidente da Direcção, Alberto Vieira

Faixa 1
– A contribuição para o conhecimento sobre a Madeira e as ilhas

Faixa 2
– Os 25 anos de actividade

Faixa 3
– A nova fase de actividade e o desafio da insularidade

Faixa 4
– A cooperação com associações internacionais

Faixa 5
– As linhas de investigação e a divulgação científica nas escolas
 

Legados para a História:

Um agradecimento

Doações ao Arquivo Regional da Madeira de 2005 a 2008

Algumas imagens

[Imagens da exposição patente ao público no Arquivo Regional da Madeira]


A exposição

[imagem composta dos nomes dos doadores]

O património arquivístico da Região Autónoma da Madeira tem vindo a ser objecto de trabalho cuidado pelo Arquivo Regional da Madeira (ARM), no que contou com inúmeras colaborações.
Como homenagem pública a pessoas, famílias e entidades públicas que, graciosamente, doaram ou depositaram documentos no acervo desta instituição, o ARM organizou a exposição "Legados para a História: um agradecimento – Doações ao Arquivo Regional da Madeira de 2005 a 2008", visitável até ao dia 21 de Outubro de 2009.
São objecto de distinção os espólios de Aragão Mendes Correia, João Brito Câmara, João Lemos Gomes, José de Sainz-Trueva, Luiz Peter Clode, Octávio de Marialva, Rui Carita e da Casa de Bordados João Caldeira Leal.

Nas espécies bibliográficas doadas, é dado particular relevo às doações de Nuno Homem da Costa, de João Henrique Gonçalves, de Madalena Trigo.

Francisco Clode, Raul Canha, Teresina Dias da Costa, Reverendo Padre Orlando Morna, Alda Pereira, Nelson Veríssimo são, igualmente, homenageados, tal como as entidades públicas que doaram acervos privados.


Saiba mais

O Arquivo Regional da Madeira desenvolve inúmeras outras actividades, que pode conhecer melhor em www.arquivo-madeira.org.

Sobre esta exposição, a Directora do ARM, Fátima Barros, e a Responsável do Serviço Educativo, Sofia Santos, foram entrevistadas no programa ‘Educando’ – Rádio Jornal da Madeira.

A entrevista pode ainda ser ouvida neste espaço:

ARM – Arquivo Regional da Madeira
Directora do ARM, Fátima Barros
Responsável do Serviço Educativo, Sofia Santos

Faixa 1
– A exposição como agradecimento público
– Os legados expostos

Faixa 2
– As actividades pedagógicas para o Segundo e o Terceiro Ciclos do Ensino Básico

Faixa 3
– As actividades pedagógicas para o Ensino Secundário e para o público em geral
 

Ganhe convites duplos para a antestreia da Ópera Orquídea Branca
 

A SREC convida…

Assista à antestreia da Ópera Orquídea Branca!!

Em Outubro de 2008, o Teatro Baltazar Dias, no Funchal, recebeu a primeira apresentação pública da Ópera Orquídea Branca, integrada nas comemorações dos 500 anos da Cidade do Funchal.

Esta ópera em dois actos – projecto do Gabinete Coordenador de Educação Artística (GCEA), organismo da Direcção Regional de Educação – será reposta em 2009, com seis récitas, entre os dias 30 de Outubro e 5 de Novembro.

Para saber mais, aceda a:
Sinopse (ficheiro em formato pdf)
« Entrevista ao Chefe de Divisão de Expressões Artísticas do GCEA, Virgílio Caldeira, ao programa Educando, no Rádio Jornal da Madeira.

Responda acertadamente e ganhe um convite duplo para a antestreia da Ópera Orquídea Branca, no dia 29 de Outubro de 2009.

QUESTÃO

Indique o nome de três (3) personagens principais da Ópera Orquídea Branca.

(acompanhe a actividade do GCEA em http://dre.madeira-edu.pt/gcea)

[imagem]


Como participar:

CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO
1. Será entregue um convite duplo para cada uma das duas primeiras respostas certas recebidas no endereço GIIP@madeira-edu.pt.
2. O convite é válido apenas para a antestreia, que decorrerá a 29 de Outubro de 2009, pelas 20h30m, no Teatro Baltazar Dias.
3. A mesma pessoa só poderá responder por uma vez.
4. Junto com a resposta, deverá ser enviado o nome e o telefone de contacto do respondente.
5. Só serão consideradas respostas de quem ainda não haja sido premiado pela rubrica “A SREC convida…”.


Récitas no Teatro Baltazar Dias (Funchal)
Outubro: 30 e 31 – 20h30
Novembro: 1 – 17h00; 3, 4 e 5 – 20h30

[imagem]

Entrevista

Faixa 1
– Objectivo da reposição

Faixa 2
– Elenco da Ópera

Login